Escrevendo sua última carta a Timóteo, o apóstolo Paulo o convoca: “prega a Palavra, insta, quer seja oportuno, quer não…” (2Tm 4.2). Apesar desse ser o ensino central nos primeiros cinco versos desse capítulo, o princípio fundamental encontra-se no verso anterior em que Paulo conjura o jovem “perante Deus e Cristo Jesus”, qualificando a Cristo como Senhor (“que há de julgar vivos e mortos”) e como Deus em missão (“pela sua manifestação e pelo seu reino”), iniciando, assim, seu apelo no verso 2: “prega a Palavra”. O ensino é claro: a principal motivação para pregarmos a Palavra não somos nós, a igreja, ou mesmo os perdidos, mas Cristo.

É por ele que pregamos. É no nome dele que pessoas são salvas. É ele quem se manifestou em carne e se manifesta por meio do evangelho e de sua igreja. É ele quem constrói o reino e é dele toda a glória. Talvez o maior desafio que temos como igreja não seja fazermos o que é certo, mas fazermos pela motivação certa. Para que isso aconteça não basta um curso teológico, a leitura de um bom livro ou um seminário sobre espiritualidade. É necessário caminharmos em direção ao ponto em que, como Paulo, possamos, por graça e bênção de Deus, afirmar: “logo já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim…” (Gl 2.20). Essa deve ser a nossa oração.

É com gratidão a Deus que partilhamos a seguir algumas atividades dos últimos três meses para que se alegrem conosco.

Treinamentos missionários 

O Capacitar 2018 foi um momento de muita alegria. Durante seis dias cerca de 150 missionários e pastores se reuniram em São Luís, Maranhão, no mês de agosto, para um treinamento intensivo nas áreas de plantio de igrejas, antropologia cultural e introdução à linguística. A equipe Capacitar esteve plenamente envolvida, contando também com o precioso apoio de queridos irmãos de São Luís. Foram dias de muita comunhão, encorajamento e estudo. E várias parcerias para novas iniciativas surgiram durante o encontro. Louvado seja Deus!

Ainda no mês de agosto tivemos o privilégio de participar do congresso CTPI, em Campinas, que tem foco no plantio de igrejas e, desta vez, ênfase no fazer discípulos para plantar igrejas. Foram 1.600 pessoas de 65 denominações, sendo mais de 1.000 pastores, se reunindo durante vários dias para comunhão, diversas palestras, bem como planejamento de ações missionais e missionárias. Vemos um despertar de igrejas e líderes para o propósito de Deus para a sua igreja: ser sal que salga e luz que brilha para a glória de Cristo.

No mês de setembro ministramos uma semana de treinamento em plantio de igrejas no Curso de Formação Missiológica (CFM) da Agência Presbiteriana de Missões Transculturais (APMT) em São Paulo. Uma turma especial! Gente querida, vocacionada e altamente motivada para servir o Cordeiro Jesus até os confins da terra.

Logo depois seguimos para um dos países da Eurásia onde participamos de um encontro estratégico onde pudemos partilhar sobre alguns temas que envolvem a urgência da pregação do evangelho em meio a situações de risco. É impressionante notar que, nas últimas décadas, a igreja cresce de forma exponencial em países e territórios em situação de risco, seja em ambiente de discriminação ou perseguição à fé cristã. Há necessidade da igreja em tais áreas se relacionar com o povo de Deus nos países mais livres, o que resulta em mútuo encorajamento na fé e despertamento missionário.

Regressamos ao Brasil a tempo de ministrar na semana teológica em Manaus, promovida pela igreja presbiteriana de Manaus, juntamente com o Dr Elias Medeiros. O assunto foi “Revitalização de igrejas” e tivemos momentos abençoados junto aos irmãos e irmãs de diversas igrejas, também vários obreiros do interior do Estado. Deus é bom.

Em diversas oportunidades ministramos sobre o método “Urbanus – pesquisa urbana para fins de evangelização”, tanto presencialmente quanto online, e temos visto um número crescente de missionários utilizando essa ferramenta para a pesquisa local e evangelização, o que muito nos alegra. As 15 consultorias missionárias a distância nesse período também foram, em sua maioria, dedicadas às pesquisas urbanas para evangelização, além de estratégias de plantio de igrejas a partir do povo local, sobretudo em países da África e Ásia.

Estamos contentes em Deus pela Pós Graduação em Antropologia Intercultural, que continua suas atividades na cidade de Anápolis/GO, no campus da UniEvangelica, sob a coordenação do Prof Flávio Veras. A turma 2018 está animada e aproveitando esta oportunidade.

Grupos minoritários no Brasil

Pela graça de Deus, os chefes de duas aldeias onde temos investido no plantio de igrejas, renderam-se a Cristo e declararam publicamente a fé no Senhor Jesus. Foi motivo de muita alegria, tendo um forte impacto na evangelização de outros indígenas da região. Nossa expectativa é por um crescente interesse pela Palavra e amplo testemunho do evangelho em ambas regiões.

O Senhor continua abençoando a equipe de trabalho entre os Mura e Sateré e pedimos suas orações por cada um, sobretudo por segurança nas viagens e ânimo em Cristo: Chagas e Celina Sateré, André e Val Sateré, Selma Mura, Ubiratã e Susan, Kamron e Janete, além de nós (Ronaldo e Rossana) e Alcedir e Marli.

Foi uma alegria participar do primeiro congresso sobre povos minoritários no Brasil, promovido pela Associação de Missões Transculturais Brasileiras (AMTB) na igreja presbiteriana de Curitiba. Um ajuntamento de irmãos e irmãs engajados com a evangelização dos povos minoritários em nosso país. Dias de boa reflexão, muita comunhão e mútua edificação, com vários desafios sobre os indígenas, ribeirinhos, quilombolas, ciganos, sertanejos, imigrantes e surdos ainda pouco ou não evangelizados.

Continuamos a colaborar com a coordenação do departamento de pesquisa da AMTB que, entre diversas outras atividades, tem investido na atualização dos dados sobre os grupos menos evangelizados e não alcançados em nosso país. O resultado tem sido direcionador para diversas iniciativas missionárias, pelo que somos gratos a Deus.

Outras atividades

Tivemos o privilégio de expor a Palavra de Deus em igrejas e encontros no Rio de Janeiro, Brasília, Aracaju, São Paulo, Águas de Lindóia, Niterói e Manaus. Participamos de um encontro com antropólogos cristãos em Curitiba, que deu início a alguns passos de comunhão e encorajamento entre irmãos e irmãs envolvidos nas Ciências Sociais e também do congresso da CRU, evangelização de universitários, no Rio de Janeiro.

Os Konkombas continuam muito animados com a tradução do Antigo Testamento, que vai muito bem. Seguem traduzindo o 11o livro e revisando os demais já traduzidos. Planejamos uma viagem a Gana no ano que vem para cooperar de perto com a revisão geral dos livros traduzidos.

Quanto às publicações, nos alegramos com o lançamento e distribuição dos livros “Ao Deus de toda glória”, escrito por minha mãe (Euza Lidório) relatando a história de sua vida e ministério; “Palavra que transforma” (Iraque & Silvéria Carvalho, Ronaldo & Rossana Lidório), material para capacitação bíblica para grupos minoritários; e “Plantando igrejas” (Ronaldo Lidório), um estudo sobre a teologia, princípios e modelos de plantio, crescimento, revitalização e multiplicação de igrejas. Nossa oração é que sejam úteis no Reino de Deus.

Somos imensamente gratos a Deus pelo privilégio e oportunidade de servir a Jesus. Profundamente gratos aos irmãos e irmãs pelas orações, apoio e precioso encorajamento ao longo dos anos. Que o evangelho de Deus seja proclamado pela igreja de Deus, em todo o mundo, para a glória do próprio Deus.         

Ronaldo e Rossana Lidório

Email: ronaldo@lidorio.com.br

Ore pela equipe Amanajé: Ademir e Ester, Adilson e Cíntia, Alceris e Arlene, Alessandra, André e Marcelle, Andrew e Aimée, Antônio e Simone, Cácio e Elisângela, Carlos e Elfriede, Chris, Domingos e Marta, Ester, Felipe e Arlene, Gabriel e Crislaine, Glen e Corina, Gustavo e Deborah, Iraquitan e Silvéria, Jacinto e Felícia, Jaime e Esther, Jaimeson e Cleide, Kamron e Janet, Lindelvan e Valéria, Markus e Leonízia, Marcelo e Cláudia, Maria (Lia), Ronaldo e Rossana, Rosinese, Silvério e Inésia.

Pedidos dos livros “Ao Deus de toda glória” e “Plantando igrejas” podem ser feitos pelo site da Editora Cultura Cristã (www.editoraculturacrista.com.br) ou pelo telefone 0800 014 1963. O livro “Palavra que transforma” pode ser pedido pelo site da Editora Descoberta (www.descoberta.com.br) ou pelo telefone (43) 3351-9957.

WWW. APMT.ORG.BR       WWW.WECBRASIL.COM.BR

Que tal deixar um comentário?